Ignorar Comandos do Friso
Saltar para o conteúdo principal
quinta-feira, 06-10-2022
PT | EN
República Portuguesa-Cultura Homepage DGLAB

Skip Navigation LinksPremioCamoes

Prémio Camões

Prémio Camões
Instituído em 1988 pelos governos português e brasileiro com vista a estreitar os laços culturais entre os vários países lusófonos e enriquecer o património literário e cultural da língua portuguesa, o Prémio Camões tem o valor pecuniário de cem mil euros, a ser pago pelos dois países em partes iguais.

O júri, reunindo alternadamente em Portugal e no Brasil, integra duas personalidades portuguesas e duas brasileiras, bem como dois representantes dos países de língua oficial portuguesa.

O Ministério da Cultura português, através da DGLAB, com a colaboração do GEPAC, organiza, pela parte portuguesa, a atribuição do Prémio desde a sua instituição. Cabe à Fundação da Biblioteca Nacional do Rio de Janeiro a organização pelo lado brasileiro.

Consulte o protocolo que regula o Prémio Camões: Decreto n.º 47/99.

Consulte, na base de dados de prémios literários, toda a informação sobre os galardoados com o Prémio Camões.


Exposição sobre o Prémio Camões


Uma exposição dedicada aos vencedores das primeiras 33 edições do Prémio Camões foi preparada para a Bienal Internacional do Livro de São Paulo, que decorreu em julho de 2022, e na qual Portugal foi o país convidado de honra. Organizada pela Direção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas, consta de um conjunto de 33 cartazes, dedicados a cada um dos vencedores, mais um cartaz de abertura da exposição e um de índice de autores. O design gráfico é de Luís Mendonça, doutorado em ilustração e professor na Faculdade de Belas-Artes da Universidade do Porto, e conhecido como ilustrador enquanto Gémeo Luís. O que se pretende com a exposição, a que Luís Mendonça deu um tratamento gráfico apelativo que permite uniformizar a diversidades das imagens, é chamar a atenção para o Prémio Camões junto de um público pouco familiarizado com este Prémio. Com textos biobibliográficos curtos e destaque para algumas obras mais emblemáticas, que acompanham cada fotografia tratada plasticamente, a exposição poderá chegar ao grande público, incluindo os jovens.

Consulte aqui a exposição ou descarregue-a através deste QR Code:

Os cartazes também poderão ser impressos, devendo para tal solicitar os ficheiros em alta resolução através do endereço  dsl@dglab.gov.pt