Ignorar Comandos do Friso
Saltar para o conteúdo principal
domingo, 26-06-2022
PT | EN
República Portuguesa-Cultura Homepage DGLAB

Skip Navigation LinksPesquisaAutores1

Biografia

Biografia
                  

Ernesto do Canto  
[Ponta Delgada, 1831 - Ponta Delgada, 1900]  

Bibliógrafo e escritor. Bacharel em Filosofia, exerceu importantes cargos na Administração Pública da sua ilha natal. Dedicou a vida à história dos Açores, empreendendo uma série de publicações da maior importância para o desenvolvimento da investigação histórica: em 1878 criou o Arquivo dos Açores, colecção de estudos e documentos destinada a publicar tudo o que pudesse, de algum modo, contribuir para o conhecimento da história açoriana (à data da sua morte tinham já saído 12 vols.); o Ensaio Bibliográfico (1888), catálogo das obras nacionais e estrangeiras que relatavam os acontecimentos políticos ocorridos em Portugal entre 1828 e 1834, a Biblioteca Açoriana (1890), onde dava conta de todas as obras, impressas e manuscritas, nacionais e estrangeiras, com referências aos Açores. Colaborador de numerosos jornais e revistas, fez ainda editar, em 1877, o Tratado das Ilhas Novas de Francisco de Sousa e, em 1892, o cap. XXII das Saudades da Terra de Gaspar Frutuoso. Colaborou, com um «Esboço genealógico», no In Memoriam de Antero de Quental.
in Dicionário Cronológico de Autores Portugueses, Vol. II, Lisboa, 1990